PROGRAMA

FUNDAMENTAL PRIMEIRO SEMESTRE

9H ÀS 12H

segunda-feira:

História da joalheria I - Ana Passos

Exploração de materiais - Nicole Uurbanus

 

terça-feira:

Corpo - Elizabeth Franco

Desenho - Guilherme Dable

 

quarta-feira:

História de arte I - Danilo Oliveira

Cultura brasileira I - Ana Videla

 

quinta-feira:

Projeto I - Renata Porto

sexta-feira:

Técnicas de joalheria I - Escolas Parceiras

*(feriados: 07 de setembro, 12 e 28 de outubro, 15 de novembro)

Avaliação bimestral

Um parecer de cada disciplina

 

Avaliação semestral

Apresentação para uma banca de professores

Breve parecer de todos e uma conclusão final

Valor da inscrição: R$800,00

(descontado da primeira mensalidade).

 

Mensalidade: R$1.800,00*

 

Pagamento total do semestre à vista: desconto de10%

 

*Incluso aulas de técnicas de joalheria nas escolas parceiras

WhatsApp Image 2022-05-17 at 16.18_edited.jpg

História da Joalheria

Ana Passos

segunda-feira (9:00-11:00)

A História da Joalheria é feita de pessoas, competências, materiais, gostos, símbolos, costumes, além de imaginação e significados construídos socialmente.

O percurso proposto permitirá que cada um construa seu próprio conhecimento sobre o porquê do uso de joias e de optarmos por nos expressar através de sua criação. Quanto mais sabemos sobre quem veio antes de nós, maiores as chances de ter claro o que se quer ser, fazer e apresentar ao mundo.

Os objetivos são estimular uma compreensão ampliada do objeto cultural joia; explorar possibilidades conceituais, produtivas e comunicacionais; reconhecer a joalheria como um ofício ancestral com importantes referências históricas.

Cada um dos 20 encontros de 2 horas será composto da apresentação de um tema, seguido da discussão de como ele pode trazer novas lentes para o trabalho artístico e a construção de um conceito robusto de joalheria contemporânea. Será disponibilizada bibliografia específica por tema e de acordo com os interesses do grupo.

Sou um parágrafo. Clique aqui para adicionar e editar seu próprio texto. É fácil.

Nicole Uurbanus

segunda-feira (11:00 - 12:00)

Exploração de Materiais

Um dos assuntos mais discutidos, analisados, questionados e experimentados é o material usado na joalheria contemporânea.  Enquanto para uns se torna o ponto de partida do processo criativo, o próprio conceito, para outros é um caminho de descobertas e encantamentos.

Para nós, é uma base essencial para que os trabalhos sejam desenvolvidos com conteúdo, além de ser de uma riqueza impar.

Neste curso estudaremos o metal em seus diversos aspectos para que os alunos possam fazer escolhas conscientes e entender o porque desta opção da joalheria.  

Passaremos por uma extensa experimentação e pesquisa dos mais variados materiais, até que esta maneira de trabalhar possa se tornar um hábito para projetos futuros.  

Com referências do antropólogo Tim Ingold, aprenderemos a respeitar o material que passa por nossas mãos para ser transformado.  Falaremos sobre o processo criativo discutido por Cecilia Salles, e de que maneira o fazer se faz presente.

Vamos entender a riqueza que temos nas mãos, literalmente.  

Corpo

Elizabeth Franco

terça-feira (9:00 - 10:30)

Corpo I pretende oferecer uma visão panorâmica das principais noções instrumentais desenvolvidas por Michel Foucault sobre o corpo e a constituição do sujeito moderno, ferramentas básicas para auxiliar na reflexão sobre os corpos contemporâneos. A partir da leitura coletiva de textos sugeridos buscaremos identificar e discutir as questões básicas que fundamentam a complexa problemática da constituição do corpo/sujeito moderno.

Alguns pontos que serão abordados:

- O corpo não existe em estado natural.

- O corpo como uma invenção teórica recente.

- Investigar as relações que historicamente se estabelecem entre sujeito, corpo e verdade.

- Tentar tornar visível nossa incapacidade de enxergar as estruturas e dinâmicas do nosso próprio modo de viver.

- O que interessa afinal? Subjetividades e processos de subjetivação.

- Construir novas formas de pensar, bem como destruir velhas certezas – ou ilusões confortadoras.

- Por que somos do jeito que somos e não de outro modo?

- Quem somos nós com nossas ornamentações corporais?

Guilherme Dable

terça-feira (10:30 -12:00)

Desenho

A disciplina irá abordar aspectos do desenho enquanto linguagem, de modo teórico-prático. Através de aulas expositivas e exercícios, serão abordadas questões relativas à construção de imagens, aspectos formais e conceituais do desenho, com ênfase na produção artística moderna e contemporânea. Os exercícios terão abordagem processual, visando instrumentalizar procedimentos para o desenvolvimento da percepção e do repertório gráfico dos alunos, bem como apurar a capacidade de leitura e reflexão sobre as imagens.

Apesar de ser uma disciplina focada em uma práxis visual, o entrecruzamento de linguagens terá destaque. Autores como Cesar Aira, Italo Calvino, Jorge Luis Borges serão alguns dos mencionados em aula, com textos específicos indicados. No campo da arte, Rosalind Krauss, Alberto Tassinari, John Berger, William Kentridge, entre outros, estarão entre as leituras.

AF_MANCHAS GRAFICAS-03.png

Sou um parágrafo. Clique aqui para adicionar e editar seu próprio texto. É fácil.

Danilo Oliveira

quarta-feira (9:00 - 10:30)

História da Arte I

História da arte moderna e contemporânea: processos e procedimentos, sentidos e significados.
A disciplina pretende introduzir o aluno às principais transformações nos processos de produção de objetos e imagens no campo da arte, especialmente a partir do século XX. As formas de apropriação material e de linguagem estão no centro deste recorte, na exposição de procedimentos e na construção de significados que podem emergir dos diferentes processos artísticos.
Iremos desde a introdução à história da Arte no Ocidente; passando por um recorte transversal do barroco ao contemporâneo; o Modernismo da sociedade e a crise da representação no século XIX e XX: Realismo e Impressionismo; o olhar para a produção vernacular ou “popular” na formação da arte moderna; a influência da arte japonesa e africana na formação da arte moderna europeia; as principais rupturas das vanguardas do início do século XX: Pós-impressionismo, Expressionismo, Cubismo, Futurismo e a Arte Abstrata.
Veremos ainda, duas das principais correntes da arte de vanguarda: Dadaismo X Construtivismo e seus legados; o pós-guerra: a potência da ruína e do vazio; a
expansão para o espaço e para o corpo: Land Art, Intervenção, Neo-concretismo.
Até adentrarmos pela Arte Contemporânea.

Cultura Brasileira

Ana Videla

quarta-feira (10:30 - 12:00)

Apresentar diferentes formas de percepção do mundo através das histórias de comunidades que permaneceram à margem da história central da constituição da nação brasileira. Dessa forma, ao resgatar essas histórias destacamos dois objetivos: de um lado propomos uma aproximação com outros saberes e outras formas de estar no mundo e, de outro, rompemos com a lógica da narrativa dominante e que se propõe a ser a única a ter acesso à realidade. Ao analisarmos as formulações destes diferentes grupos que constituem o Brasil, através dos mitos, produção de objetos, rituais e imagens, poderemos compreender o entendimento de outras cosmovisões, diferentes do pensamento predominante.

De maneira suplementar, analisaremos os objetos, alguns associados ao corpo, que façam parte da constituição do sujeito em organizações sociais brasileiras. Os objetos associados ao corpo estão em sintonia com a formação histórica e com a compreensão do que é viver em coletividade. Neste sentido, a estética compõe a vida e nos informa sobre outras dimensões da vida em sociedade da qual ela faz parte. Quer dizer, toda comunidade produz um estilo de ser, no qual reflete um estilo de gostar e de não gostar. O que é produzido pela comunidade, como objetos, imagens, gestos etc., carrega o pensamento da comunidade.

WhatsApp Image 2022-05-17 at 16.43_edited.jpg

Projeto

 Renata Porto

quinta-feira (9:00 - 12:00)

As aulas de projeto serão conduzidas visando compreender o processo de investigação e de criação. O aluno será sempre estimulado a construir dentro das áreas de interesse que venha a descobrir e aprofundar.

Teremos aulas de projeto em todos os semestres, passando por diferentes etapas e desafios.

Ao longo do primeiro semestre serão propostos exercícios com referência aos assuntos abordados nas diferentes disciplinas, inclusive as técnicas de joalheria aplicadas através das escolas parceiras. Traremos conteúdos e experimentações para desenvolver um olhar mais crítico e um trabalho coeso.

Exploraremos as possibilidades do nosso tema central do semestre: “Raízes e Pós - Modernidade”.  

PROGRAMA FUNDAMENTAL

SEGUNDO SEMESTRE

(06 de fevereiro – 30 de junho 2023)*

9H ÀS 12H

segunda-feira:

Sustentabilidade

Técnicas de fundição - Renata Porto

terça-feira:

Joalheria Contemporânea I - Alice Floriano

Exploração de materiais - Miriam Pappalardo

 

quarta-feira:

Projeto II - Nicole Uurbanus e Nina Lima

 

quinta-feira:

História da arte II - Danilo Oliveira

Cultura brasileira II - Raul Lody

 

sexta-feira:

Técnicas de joalheria II - Escolas parceiras

*(feriados: 20, 21, 22 de fevereiro,

7 e 21 de abril, 8 de junho)

TERCEIRO SEMESTRE

(07 de agosto – 15 de dezembro 2023)*

 

9H ÀS 12H

segunda-feira:

Joalheria Contemporânea II - Cristina Filipe

Escrita - Cris Lisbôa

 

terça-feira:

Projeto III - Nicole Uurbanus e Renata Porto

 

quarta-feira:

Cultura brasileira III - Ana Passos

Gemologia

 

quinta-feira:

Arte contemporânea

Gravura em metal e bordado - Nara Amélia

 

sexta-feira:

Técnicas de joalheria III - Escolas parceiras

 

*(feriados: 07 de setembro, 12 de outubro,

02 e 15 de novembro)

QUARTO SEMESTRE

( 05 de fevereiro - 28 de junho 2024)*

 

9H ÀS 12H

segunda-feira:

Cultura brasileira IV

portfólio e livro de artista

terça-feira:

Fotografia

Mídias e mercado

 

quarta-feira:

Corpo II - Elizabeth Franco

Desenho técnico

quinta-feira:

Projeto IV - Manuel Vilhena

 

sexta-feira:

Técnicas de joalheria IV - Escolas parceiras

 

*(feriados: 12, 13, 14 de fevereiro, 29 de março, 01 e 30 de maio)